(11) 4200-0069

contato@lojavirtual.com.br

Top

Investimento em e-commerce: quanto custa abrir uma loja virtual?

LojaVirtual.com.br / Criar Loja Virtual  / Investimento em e-commerce: quanto custa abrir uma loja virtual?

Investimento em e-commerce: quanto custa abrir uma loja virtual?

Tempo de Leitura: 4 minutos.

O fato é: o comércio eletrônico é um dos mercados mais rentáveis do momento. Muitos se perguntam quando é necessário investir para ter uma loja virtual de sucesso. Nesse post, falaremos sobre o investimento em e-commerce e o que precisa ser feito para que sua loja tenha destaque e seja lucrativa.

Ao contrário do que muita gente imagina sobre iniciar as atividades de uma loja virtual, o investimento em um e-commerce não é tão alto, se comparado com o de uma loja física, por exemplo.

Mas é claro, o contrário também acontece. Não é possível ter uma loja de sucesso sem o investimento necessário em branding e marketing. Quando falamos em investimentos, podemos dividir em duas categorias: investimento inicial e investimento em marketing e manutenção.

Se você quiser saber mais sobre investimento em e-commerce, continue a leitura e confira os principais pontos que você deve levar em consideração ao abrir sua loja virtual:

Legalização da loja virtual

Para vender produtos ou serviços pela internet, é necessário ter um CNPJ. Isso te possibilitará  emitir nota fiscal e despachar seus pedidos pelos correios ou transportadora.

O processo de legalização de uma loja virtual é igual ao de iniciar uma operação comercial física. Você precisará do cadastro nos órgãos responsáveis, assim como emitir alvará de funcionamento.

Ter um contador como parceiro de negócio é fundamental, pois ele poderá te ajudar a poupar tempo e dinheiro. É importante também que, ao abrir uma loja virtual, você conheça a Lei do e-commerce.

Estima-se que seja necessário investir cerca de R$1.500,00 com os honorários do contador e taxas.

Logotipo e Identidade Visual

Para ganhar o mercado, é necessário se destacar. E isso começa pela representação visual da sua marca. 

Além de ter um logotipo forte, que represente os valores que sua empresa quer transmitir, a criação de um layout personalizado é essencial. Isso fará com que sua loja seja única e mais atrativa, gerando valor para seu e-commerce e resultando em mais vendas.

Não necessariamente você terá que pagar para deixar o e-commerce com a cara da sua empresa. Algumas plataformas oferecem layouts semi-prontos para que você personalize. Entretanto, esses layouts não são exclusivos.

Nesse ponto, a expectativa é que você invista entre R$1.500,00 à R$5.000,00 nessa etapa.

Plataforma de e-commerce

A plataforma de e-commerce é uma das principais peças de uma loja virtual. É o sistema que permite que a operação online aconteça, indo desde a gestão dos produtos até a criação de campanhas promocionais.

Escolher uma plataforma de loja virtual para sua empresa é uma grande responsabilidade. Você deve considerar alguns pontos na hora de escolher a plataforma de e-commerce, como:

  • suporte;
  • flexilibilidade;
  • funcionalidades;
  • integrações disponíveis;
  • métodos de pagamento disponíveis.

Nesse ponto, o investimento também vai variar por conta da diversidade de modelos de negócios disponíveis: plataformas exclusivas para sua empresa, plataformas alugadas ― as chamadas SaaS ou as plataformas Open Source.

Em todos os casos, diversos fatores deverão ser levados em consideração. A dica aqui é escolher a plataforma baseada nas suas necessidades e não pelo preço. Você encontrará soluções de R$30,00 à R$10.000,00 no mercado.  

ERP

Administrar um e-commerce não é tarefa tão simples. Por isso, é necessário investir em softwares de gestão, também conhecidos como ERPs.  Esse ponto merece atenção.

Dados do Sebrae apontam que um terço das empresas no Brasil fecham antes de completar dois anos de existência. E um dos maiores motivos para essa mortalidade é a falta de gestão.

Independentemente do tamanho do e-commerce, ele terá uma diversidade de processos operacionais e administrativos, por isso é importante investir em um sistema de ERP que centralizará as informações do negócio.

O ERP ajudará a controlar o estoque da loja virtual, controlar contas a pagar e a receber, emitir notas fiscais, entre outros. Ou seja, otimizará o tempo dos colaboradores e trará inteligência para o negócio com os relatórios gerenciais.

Mais uma vez o investimento vai variar de acordo com a necessidade do seu e-commerce. ERPS como o Bling oferecem planos a partir de R$50,00/mensais. 

Estoque Inicial

Se o seu modelo de negócio necessitar de um estoque inicial para operar, existe, então, o investimento com a compra dos produtos que serão revendidos. Terá, também, o custo do espaço físico que será usado para armazenamento do estoque.

O estoque ideal para iniciar sua loja virtual é o estoque que permitirá a entrega do pedido em um prazo legal e que permita ser renovado, sempre com peças entrando e saindo. Lembre-se que estoque parado significa dinheiro parado.

Outro ponto a ser considerado aqui é se existe realmente a necessidade de se trabalhar com estoque ou se um modelo de negócios como o crossdoking ou dropshipping se encaixaria na sua demanda.

Em caso positivo, o investimento necessário diminuiria drasticamente, podendo ser utilizado para a divulgação da loja, por exemplo. 

Divulgação

De nada adianta ter uma loja virtual se as pessoas não souberem que ela está aberta e pronta para efetuar vendas, certo? Então, também é necessário pensar no investimento em divulgação.

Mídias pagas

Aqui temos um leque gigante de opções: a primeira palavra a ser levada em consideração é foco. É necessário pensar na sua persona e quais mídias ela consome.

E mais importante do que atrair qualquer visitante para sua loja virtual é atrair tráfego qualificado, ou seja, pré-disposto a comprar a solução que você vende. Para isso, existem diversas possibilidades como Google Adwords, Facebook Ads, comparadores de preço e anúncios em blogs ou portais de notícias. 

O ideal é que você tenha um profissional interno ou uma agência de marketing digital para te ajudar a identificar as melhores ações de divulgação para seu e-commerce. O investimento seria em torno de R$3.000,00 a R$5.000,00 mensais.

Redes Sociais

Uma pesquisa do Feedback Systems identificou que 61% das empresas que procuram manter relacionamento com seus clientes nas redes sociais têm um aumento considerável em suas receitas.

Atualmente, o Facebook, maior rede social da atualidade, tem a marca de mais de 2 bilhões de usuários sendo que mais 100 milhões desse número é composto por brasileiros. Ou seja, é bom que sua empresa tenha uma página para conversar com essa audiência.

Também podemos contar com o Instagram, o Twitter, o Pinterest e muitos outros canais. Por isso é importante você focar nas redes sociais em que seu público-alvo esteja. Isso economizará seu tempo e dinheiro. 

Caso você deseje abrir um e-commerce, com esse conteúdo poderá fazer um planejamento financeiro de maneira assertiva. 

Gostou do conteúdo apresentado sobre investimento em e-commerce? Siga a gente nas redes sociais e continue recebendo conteúdo de qualidade para o sucesso do seu e-commerce. Estamos no Facebook e no LinkedIn.

Share

Sócio e cofundador da LojaVirtual.com.br. Com mais de 10 anos no mercado de e-commerce, tem o seu foco em acompanhar as mudanças do mercado e seguir as tendências tecnológicas.

No Comments

Post a Comment