(11) 4200-0069

contato@lojavirtual.com.br

Top

E-commerce brasileiro deverá ter o melhor segundo semestre de todos os tempos

LojaVirtual.com.br / Vendas Online  / E-commerce brasileiro deverá ter o melhor segundo semestre de todos os tempos

E-commerce brasileiro deverá ter o melhor segundo semestre de todos os tempos

Tempo de Leitura: 3 minutos.

Um recorde atrás do outro! Esse vem sendo o lema do e-commerce brasileiro nos últimos anos, impulsionado ainda mais desde o início da pandemia no país em meados de março de 2020. E depois de números impressionantes no 2º semestre do ano passado e nos primeiros 6 meses de 2021, especialistas esperam que o atual semestre (2º/2021) seja o maior de todos os tempos para as vendas online no país.

Você pode estar se perguntando: por que tamanho otimismo? Depois de um crescimento exponencial no ano passado, é verdade que muitos segmentos se mantiveram estáveis. Mas esse é um dos pontos, o mercado online está nivelado por cima!

Quando você faz comparações com períodos anteriores que até então foram os melhores da história, crescer pouco ou manter os índices não representam um problema. Isso significa que o e-commerce está se mantendo em alta por um longo período.

E mesmo com a retomada do comércio físico em todo o país, já que as restrições do Covid-19 foram flexibilizadas em todos os estados, milhões de consumidores se habituaram a comprar pela Internet.

Caminho sem volta! Quem descobriu o e-commerce não vai mais abrir mão dessa alternativa, mesmo que vá muitas vezes a centros comerciais, shoppings e outros. Ter um negócio online atualmente te abre muitas possibilidades de ganhos.

Nada é garantia de sucesso, empreender sempre tem risco. Abrir qualquer tipo de negócio exige esforço, paciência, muito trabalho, conhecimento. Mas não há como negar, se o e-commerce está crescendo dessa forma, é sinal que oportunidades existem aos montes.

Vamos ver na sequência do artigo alguns desses números do 1º semestre de 2021 que tanto animam para o restante do ano.

Se você já tem sua loja online, pode se animar! O mercado só tende a aquecer ainda mais. E para quem ainda está na dúvida se deve investir ou não nessa área, talvez os dados a seguir te ajudem a pensar.

O 1º semestre de 2021

O relatório consolidado da Neotrust com todos os índices ainda nem saiu, mas alguns números já começaram a ser revelados na mídia. O balanço do 1º semestre do ano revelou que esse foi o segundo maior do e-commerce brasileiro. Só perde justamente para os seis últimos meses de 2020, que além da pandemia, foram impulsionados também por datas como Semana do Brasil, Black Friday e Natal.

Foram registrados 164,2 milhões de pedidos no varejo digital no primeiro semestre, número que é bem superior ao mesmo período do ano passado. Em termos de compras digitais (pedidos faturados), o total foi de 135,6 milhões. Fica atrás somente das 164,7 milhões de compras digitais realizadas no 2º semestre de 2020.

E tem mais! Falta um dado que é o mais impressionante nesse levantamento. Apesar do número de pedidos menor que o até então maior semestre do nosso comércio eletrônico, o faturamento aumentou.

As vendas online atingiram R$74,7 bi nos primeiros seis meses do ano! Sabe o que isso representa? Um crescimento de 37,6% se comparados ao mesmo período de 2020, e 3,59% em relação ao 2º semestre (parece pouco, mas vale lembrar sempre que esse semestre é o maior da história como já dissemos).

Expectativas de crescimento

Diante de um cenário tão positivo no primeiro semestre, fica mais fácil entender o porquê do otimismo para que o próximo semestre seja o maior de todos os tempos. Normalmente os últimos seis meses do ano já são mais movimentados, muito pelas datas que já citamos anteriormente.

Mas ainda se juntam outros fatores a esses eventos para que as expectativas se justifiquem. Somente este ano já são mais de 7 milhões de novos usuários que realizaram sua primeira compra online. Desde o início da pandemia esse número supera 27 milhões de pessoas.

O Banco Central estima que o consumo pós-pandemia deverá alavancar o PIB brasileiro em 4% até o final do ano. O avanço na vacinação e a redução dos casos graves de Covid-19 tendem a impactar em uma retomada de crescimento da economia.

Com isso, eventos como as Olimpíadas e as tradicionais datas do Dia dos Pais, Semana do Brasil, Dia das Crianças, Black Friday e Natal deverão ter uma adesão ainda maior que ano passado.

Deixe sua loja virtual preparada

A mensagem que fica com base em tudo que apresentamos é: prepare sua loja online e trace boas estratégias para aproveitar as oportunidades! Todos esses dados e números positivos terão valia se a sua loja for vista, se você tiver bons produtos, bons prazos de entrega, taxas de frete compatíveis e por aí vai.

E para quem ainda não criou a própria loja, nada como entrar no universo das vendas online justo em um momento de alta tão importante quanto esse. Quanto mais gente comprando online, mais chances para milhares de empreendedores online.

Os dados citados no artigo fazem parte do relatório que a Neotrust ainda vai lançar e foram revelados por Andrea Fernandes, CEO do T.Group.

Gerente de Marketing na LojaVirtual.com.br. Especialista em produção de conteúdo, inbound marketing e sempre antenado com as tendências do marketing digital.

No Comments

Post a Comment