(11) 4200-0069

contato@lojavirtual.com.br

Top

Como se relacionar com seus leads para garantir melhores resultados?

LojaVirtual.com.br / Gerando Leads  / Como se relacionar com seus leads para garantir melhores resultados?

Como se relacionar com seus leads para garantir melhores resultados?

Tempo de Leitura: 0 minuto.

Atrair mais visitantes para o site e transformá-los em leads é uma das principais preocupações de empreendedores, lojistas, profissionais de marketing, dentre outros. De fato essa é uma base para tudo que virá na seqüência. Sem visitantes, seu negócio não irá prosperar no mundo online.

Mas e então, como vou gerir todos os contatos captados através do meu site? O que eu devo fazer com os leads para obter os melhores resultados para a minha loja? O controle, o acompanhamento e o relacionamento com os leads são fundamentais para que você tenha um aumento no número de clientes.

Não adianta atrair milhares de visitantes todos os dias para o seu site, pegar o contato destes usuários e depois não ter uma rotina bem estruturada de interação e relacionamento. É esse trabalho que vai tornar os leads engajados, e conseqüentemente mais propensos a comprar com você.

Vamos conhecer agora 04 importantes dicas do que você deve fazer com seus leads para convertê-los em clientes.

1 – Envio de e-mail marketing

Uma das formas mais práticas e eficientes de manter relacionamento com sua base de leads é por meio do envio de e-mails. Você precisa manter estes usuários sempre atualizados sobre suas novidades. É uma forma de ficar em evidência e constantemente fazer essas pessoas se lembrarem de você.

Por meio do e-mail marketing você pode enviar promoções e ofertas especiais, pode divulgar novos produtos e/ou serviços, pode informar sobre outras novidades da empresa e do mercado. São muitas as possibilidades, e todas elas irão manter os leads envolvidos com sua marca e seus produtos.

Mas é necessário criar uma rotina organizada e bem estruturada para envio de e-mails. O excesso de e-mails também pode ser prejudicial. Nós mesmos recebemos dezenas de e-mails todos os dias, e ficamos impacientes quando uma mesma empresa envia um número muito elevado de propagandas e informações.

A experiência negativa pode levar o usuário a solicitar o descadastro da sua lista. Você perde um lead não porque não havia interesse por parte dele, mas sim por ter “errado a medida” na sua estratégia de e-mails.

O oposto também serve. Se você envia e-mails com pouca freqüência, o usuário não cria vínculo, não interage e dessa forma não se envolve com sua marca. Fique próximo dos seus leads trabalhando conteúdos de impacto e verdadeiramente relevantes.

2 – Segmentação dos leads

Inicialmente pode ser que você tenha poucos dados, talvez apenas o e-mail de um determinado lead. Mas com o tempo você pode disponibilizar outras formas de captar mais informações a respeito de cada um.

Munido de mais detalhes sobre o usuário e baseado no histórico de interesses que ele demonstrar, você passa a ter elementos para trabalhar a segmentação da sua lista de leads.

E quais são os benefícios de ter meus contatos segmentados? Podem ser diversos os benefícios desta iniciativa, tudo depende da sua área de segmentação, sua gama de produtos, sua área territorial de atuação e por aí vai.

Se o fator geográfico é relevante para você, você pode segmentar por estado, por exemplo. Dessa forma você trabalha com campanhas específicas para cada localidade, caso exista diferença de um local para o outro.

Pode ser que você tenha produtos masculinos e femininos e seja importante separar estes grupos para fazer uma divulgação mais assertiva e personalizada. Pode ser que para você a faixa de idade seja fundamental para a definição de uma estratégia.

Enfim, você é conhecedor do seu negócio. Pense naquilo que faz diferença para que suas ações tenham impacto mais positivo, e então procure captar dos seus leads as informações que você precisa para segmentar da forma ideal.

3 – Uso de ferramentas apropriadas

Chega um certo momento que sua base de leads está tão grande que se torna impossível não ter uma ferramenta para gestão. Até mesmo para enviar tantos e-mails, sem um recurso adequado, fica inviável. Isso porque as caixas de e-mail tradicionais não suportam enviar centenas de e-mails e suas mensagens acabam sendo direcionadas para o SPAM.

Além disso, sem uma ferramenta você não consegue controlar os leads, saber quem clicou, quem abriu, quem não abriu, quem se descadastrou. Esses relatórios de acompanhamento são fundamentais para você saber o que está dando certo ou não.

Não vale a pena ter uma lista imensa de leads se você não investir em trabalhar com eles de maneira profissional. O Mailchimp é uma das ferramentas que você pode aderir para estruturar sua gestão e o envio de e-mails.

4 – Automação dos e-mails

Outro recurso mais avançado, porém extremamente útil e eficaz é a automação de e-mails. Com o tempo sua base de leads se torna tão grande que para ter mais qualidade, agilidade e eficácia nas ações, você precisa automatizar o processo.

Hoje as principais ferramentas de e-mail oferecem esse recurso de automação. Você pode estruturar diferentes fluxos, para personas variadas ou para momentos distintos do funil de vendas. Dentro destes fluxos você terá uma seqüência de e-mails que será automaticamente enviada para os leads que fizerem parte dos critérios de entrada para aquele fluxo.

Assim você já deixa toda uma série de conteúdos programados para que os leads daquele fluxo avancem para outra etapa, como por exemplo, concretizar a compra de um produto e se tornar seu cliente.

Com a automação de e-mail marketing você ganha tempo, pois após a criação dos e-mails e dos fluxos, isso ficará funcionando automaticamente. Seu trabalho a partir de então será apenas acompanhar os resultados e realizar ajustes pontuais onde os índices não estiverem tão bons.

Conclusão

Dê bastante atenção para as ações pós geração de leads. Ainda existem muitas pessoas que focam quase todo o seu tempo e investimentos para divulgar o site, a marca e atrair visitantes para a página, mas se esquecem de se relacionar com os usuários captados.

É dinheiro jogado fora não ter um trabalho eficiente com sua lista de leads. Poucos usuários que visitaram seu site irão se transformar em clientes sem que você faça nenhuma ação com eles. A grande maioria precisa de interação para se engajar e então se tornar um cliente.

Coloque as dicas que demos em prática aos poucos, tudo é de acordo com o momento, com a quantidade de leads que você possui e com suas estratégias. O importante é nunca deixar de se relacionar com seus contatos!

Gerente de Marketing na LojaVirtual.com.br. Especialista em produção de conteúdo, inbound marketing e sempre antenado com as tendências do marketing digital.

No Comments

Post a Comment