(11) 4200-0069

contato@lojavirtual.com.br

Top

7 estratégias de vendas online que realmente funcionam

LojaVirtual.com.br / Gestão de negócios online  / 7 estratégias de vendas online que realmente funcionam

7 estratégias de vendas online que realmente funcionam

Tempo de Leitura: 4 minutos.

O e-commerce é um mercado cada vez mais competitivo devido à sua grande oferta de sites e crescimento constante. A boa notícia é que também existe demanda para quem quer se desenvolver e lucrar com sua loja virtual com estratégias de vendas online.

Qual é o diferencial dos e-commerces de sucesso? Essa pergunta não tem uma resposta simples ou única, a verdade é que não existe uma fórmula pronta e cada site precisa descobrir por sozinho o que vai alavancar sua vendas.

Vender na internet é difícil para muitos comerciantes e aumentar sua visibilidade e, consequentemente, as vendas é um desafio diário. Portanto, para ajudar nessa tarefa e aumentar sua taxa de conversão preparamos este post. Aqui, você encontra 7 dicas de estratégia de vendas online para aplicar já!

1. Up-selling e Cross-Selling nas estratégias de vendas

O up-selling e cross-selling são duas estratégias de vendas online muito comuns nos e-commerces. Podendo ser completamente automatizadas utilizando ferramentas inteligentes.

O up-selling é o ato de propor ao consumidor um upgrade no produto escolhido. Oferecer um modelo mais atual ou com mais funcionalidades é uma técnica de up-selling. Para utilizar essa estratégia é preciso conhecer muito bem o produto para oferecer uma versão melhorada, e não um produto completamente diferente.

O cross-selling é uma estratégia parecida com o up-selling, entretanto, em vez de persuadir o consumidor a adquirir outro produto, o cross-selling oferece um produto relacionado, muitas vezes, complementar à escolha principal.

O up-selling e o cross-selling são duas estratégias de vendas online tradicionais no marketing, importantíssimas para aumentar o ticket médio e o IPC (itens por cliente). Vale lembrar que essas técnicas podem ser usadas também no pós-venda, utilizando remarketing e e-mail marketing e, até mesmo, para reverter o abandono de carrinho.

2. E-mail marketing como ferramenta certeira

O e-mail marketing ainda é o campeão de ROI (Retorno sobre Investimento) para muitas empresas que comercializam seus produtos online. Isso porque seu custo de implementação é baixo e seu alcance alto, o trabalho para enviar 10 ou 100 e-mails é o mesmo.

Essa estratégia de vendas online pode ser usada tanto para captação de novos clientes quanto para retenção de clientes habituais. Crie landing pages atraentes e ofereça um material rico, como e-book, infográfico, ou qualquer um que seja do interesse do seu cliente, em troca do cadastro do seu e-mail.

Quando você já tem uma base de contatos, é necessário trabalhar essa base com ações de retenção. Crie um relacionamento com o seu cliente, segmente sua base de acordo com as preferências individuais de cada contato e envie ações e promoções personalizadas.

3. Usabilidade e design de alta qualidade

Seu e-commerce precisa ser bonito e também precisa funcionar. Todos os campos disponíveis no seu site precisam atuar da melhor forma possível. Seu cliente precisa acessar sua loja sem complicações. Quando isso não ocorre, ele desiste e dificilmente voltará.

Problemas mais comuns são: lentidão no site, imagens muito pequenas de baixa qualidade, muitos anúncios, letras ilegíveis etc. Invista em boas imagens, seu cliente precisa conseguir avaliar o seu produto como se o estivesse tocando.

4. Mídias sociais como impulsionamento

As mídias sociais são formas baratas de divulgação. Mesmo em uma publicação paga, Você pode investir o valor que couber no seu orçamento. Crie uma página para sua marca e alimente com atualizações e ofertas.

Aproveite para estreitar os laços com o seu consumidor, responda aos questionamentos que surgirem e procure sempre resolver suas solicitações com rapidez e simpatia.

Para muitos vendedores esse é o principal canal em sua estratégia de vendas online, não é à toa, visto que o “boom” das redes sociais está presente e não parece deixar de ser importante tão cedo

5. Personas que são a personificação do seu cliente

Uma persona é, em resumo, o perfil do seu cliente ideal. Para criar uma persona, você deve pesquisar e analisar seus clientes atuais e futuros, respondendo às seguintes perguntas: qual a faixa etária? Quais os interesses, necessidades e problemas? O que gostam e o que não gostam? Quais suas redes sociais? Qual o tipo favorito de conteúdo? Entre outras.

Nas respostas, você encontra um mapa sobre os seus clientes e poderá criar suas estratégias de vendas a partir disso. É muito mais fácil vender seus produtos para quem você conhece, pois seus argumentos serão melhores e de cunho mais prático e direcionado.

6. SEO como estratégia de vendas online orgânica

Um e-commerce que não aparece nos resultados dos mecanismos de buscas terá suas vendas prejudicadas. Investir na otimização do site com técnicas de SEO é extremamente importante. Mas o que é SEO? Search Engine Optimization, traduzindo, otimização para busca.

O tráfego originado e de pesquisas, geralmente, é qualificado, pois surge de uma necessidade de saber mais, e o melhor, é grátis! Garantir um posicionamento nas primeiras páginas de busca vai melhorar as suas vendas.

Como começar uma estratégia de SEO

  • Descubra quais os termos e palavras têm relação com o seu e-commerce e planeje como utilizá-las em seu conteúdo de forma coerente;
  • crie títulos e descrições de produtos utilizando essas palavras. Pense nas necessidades dos seus clientes e como eles buscaria por seu produto;
  • invista em parceiros que possam gerar links externos para o seu site.

7. Mídia Paga como investimento direcionado

Investir em mídia paga pode alavancar os seus resultados. Os anúncios vão ampliar o alcance da sua marca e acelerar o processo de vendas. O valor investido deve ser bem planejado e de acordo com a verba disponível.

Também é importante sempre acompanhar os resultados em tempo real e realocar a verba conforme o desempenho de cada anúncio e seu respectivo retorno. É importante focar no retorno, um anúncio pode estar consumindo muita verba, porém, se ele converte muito o seu custo é diluído e o retorno compensa.

Por outro lado, alguns anúncios podem estar consumindo menos dinheiro, mas, sem conversões e, por isso, se tornam um custo e não um investimento. Esteja atento a essas oscilações e seja criativo em suas campanhas.

Com um bom planejamento e aplicando todas essas estratégias de vendas online, sua campanha tem tudo para dar certo. Independentemente do seu segmento, os direcionamentos para o processo de venda são os mesmos, comece agora mesmo a sua implementação!

Tenha em mente as necessidades do seu cliente, use uma boa plataforma de e-commerce e capriche na estratégia de divulgação. Esses são os tópicos básicos e principais.

Agora que você já sabe mais sobre estratégia de vendas online, que tal conhecer segredos de lojas que vendem muito? Baixe nosso material gratuito!
Share

Sócio e cofundador da LojaVirtual.com.br. Com mais de 10 anos no mercado de e-commerce, tem o seu foco em acompanhar as mudanças do mercado e seguir as tendências tecnológicas.

No Comments

Post a Comment